fbpx

Fale Conosco Agora

(11) 2136-7800

Provedores deixam sua marca nos Jogos Olímpicos

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

Você já parou para pensar como um evento como as Olimpíadas é realizado? Saiba que se você assiste a uma competição e acompanha resultados e quadro de medalhas por um aplicativo, a Tecnologia da Informação está amplamente envolvida!

Nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, houve inúmeros avanços tecnológicos que facilitaram desde a cronometragem até a distribuição de informação (leia sobre o tema aqui). Ainda que o púbico não perceba, ela é de fundamental importância para que tudo funcione plenamente.

Juntos, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos somam milhares de atletas e turistas e bilhões de telespectadores no mundo todo.

Conheça algumas empresas de TI que atuaram (ou ainda vão atuar, no caso das Paralimpíadas) e por quais áreas elas foram responsáveis:

 

Atos – Responsável pelo projeto de estrutura e suporte de TI. Fornece sistemas de transmissão de resultados em menos de um segundo que podem ser usados em diferentes plataformas.

 

América Movil – A estimativa é que o tráfego de dados e de internet supere os números dos Jogos Olímpicos de Londres em quatro vezes. Se lá foram 60 GB de informações por segundo, equivalentes a 2 mil horas de cobertura ao vivo transmitida digitalmente para mais de 14,4 mil emissoras de TV em todo o mundo, imagine a quantidade de tráfego da Rio 2016. O grupo é responsável pela infraestrutura de rede para os locais de provas, Vila Olímpica e centro de transmissão.

 

Cisco – Fornece infraestrutura de rede e servidores. São 60 toneladas de equipamentos para integrar ambientes nos 37 locais de provas e 183 pontos onde não haverá competição: mais de 100 mil portas de redes, 5 mil pontos de acessos e 150 firewalls em cerca de 400 servidores.

 

EMC – Dá suporte para as duas principais torres de tecnologia de informação dos Jogos.

 

Microsoft – Os Jogos estão na Cloud! O portal do evento está hospedado no Azure, o que permite a atualização de informações em tempo real: cronograma e resultados das provas, regras, modalidades, informações sobre atletas e países participantes, quadro de medalhas, entre outros.

 

Visa – Inovou na forma de pagamento com a solução wearable pré-pago para transações em transporte público.

 

Google – Disponibiliza uma ferramenta para as pessoas acessarem todas as informações sobre os Jogos. Ao buscar “Jogos Olímpicos Rio 2016”, por exemplo, o primeiro resultado é o painel de dados.

 

HPE – Participou de projeto de infraestrutura de rede no Aeroporto Internacional Tom Jobim, por onde a maioria das pessoas chegaram para os Jogos.

 

GE – Fornecimento de software de gestão de saúde para o atendimento médico dos Jogos, com registro eletrônico das interações médicas dos atletas.

 

 

Fonte: https://computerworld.com.br/especial-o-papel-dos-grandes-provedores-de-ti-na-rio-2016

 

Veja Mais​