fbpx

Fale Conosco Agora

(11) 2136-7800

Dicas para melhorar seu sinal Wi-Fi

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

Você está assistindo a sua série preferida no Netflix, o último episódio da temporada e, de repente, na melhor parte, a cena congela! Ficar com raiva não vai adiantar. Ao invés de perder a paciência, veja o que pode estar causando a interrupção e tente colocar em prática algumas das dicas que relacionamos abaixo. Elas podem ajudar a melhorar o seu sinal Wi-Fi.

 

Proximidade – Redes sem fio próximas podem atrapalhar o sinal, já que o tráfego pode ficar congestionado. A frequência usada nos roteadores (2.4 GHz) normalmente é dividida em 11 canais. Geralmente, eles são configurados para atuar no canal 6, daí o congestionamento de rede. Mas é possível obter aplicativos que verificam os canais que estão sendo usados nas redes em determinado lugar e qual o canal menos usado para configurar o aparelho.

 

Frequência – Como já abordamos acima, além dos modems, vários aparelhos funcionam na frequência 2.4 GHz, como telefones sem fio, micro-ondas, brinquedos com controle remoto. Se você tentar usar todos ao mesmo tempo, o sinal pode ser atrapalhado. Para melhorar, afaste estes aparelhos e procure equipamentos que trabalhem em frequências diferentes.

 

Obstáculos – Paredes, móveis e pessoas podem bloquear o sinal (!) Quando encontra obstáculos físicos pelo caminho, o sinal perde força. Escolha um local central para instalar os aparelhos e posicione rebatedores, que ajudam a retransmitir o sinal. A melhor posição para o roteador é que fique em um lugar central e o mais alto possível. Não esqueça de abrir caminho para que o sinal consiga chegar a todos os cantos da casa.

 

Bluetooth – Também trabalha na frequência 2.4 GHz, mas os dispositivos novos evitam canais de Wi-Fi ativos. Verifique a frequência em que teclados, mouses, fones de ouvido e outros aparelhos sem fio atuam.

 

Elétrica – Se você mora em um local onde a rede elétrica é instável, instale um no-break ou estabilizador. Ao oscilar, a energia altera o sinal do Wi-Fi. Verifique sempre se os plugs e adaptadores de tomadas estão bem-instalados e se eles respeitam as normas de segurança.

 

Antena – Uma opção para tentar melhorar o sinal do Wi-Fi é colocar uma antena mais alta. Mas lembre-se de deixar o espaço livre de obstáculos. Do contrário, não fará muita diferença.

 

Limpeza – Mantenha o roteador e sua antena sempre limpos!

 

Segurança – Use senhas complexas e troque-as periodicamente. Isto pode ajudar a impedir que pessoas estranhas usem seu sinal.

 

Dispositivos – Smartphones, tablets, computadores e outros aparelhos, quando conectados a uma mesma rede, não interferem na potência do sinal emitido pelo roteador. Mas o tráfego de dados pode ficar mais lento.

 

Roteador com três antenas – Ajuda a propagar o sinal e deixa-lo mais abrangente.

 

 

 

 

Fonte: https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/tecnologia/2013/07/19/wi-fi-saiba-o-que-aumenta-ou-nao-o-sinal-do-roteador-em-casa.htm#fotoNav=1

Veja Mais​